Comunistas.infoComunistas.infoComunistas.info
QUEM SOMOS
ACTUALIDADE
27 DE NOVEMBRO DE 2011, DOMINGO
Nota editorial da NewsLetter de Novembro de 2011
A avaliao da jornada de luta de 24 de Novembro no cabe dentro de um valor numrico. Ela valeu pela oportunidade, pela transversalidade e pela unidade demonstradas. Na vspera da aprovao de um oramento de Estado que representa a rendio lgica do capital financeiro, muitos milhares de trabalhadores, tanto do sector pblico como do sector privado, uniram-se numa demonstrao de que se opem e vo continuar a opor-se ao rol de medidas que vai lanar importantes segmentos da populao na dependncia do assistencialismo.
A circunstncia de se ter concretizado com xito uma greve geral quando o estado de esprito dominante o de medo pelas incertezas que os mercados esto diariamente a introduzir no quotidiano das pessoas, representa um passo em frente na direco da tomada de conscincia de que colectivamente se tornar possvel inverter as polticas que a direita est determinada a aplicar. Embora v ser longo e acidentado, o combate simbolicamente iniciado no dia 24 ir seguramente ter consequncias no formato das solues governativas futuras, assim os actores polticos saibam interpretar o esprito de unidade que esteve presente na paralisao.

De facto, pela segunda vez nos ltimos meses, CGTP e UGT uniram os seus esforos, ultrapassaram divergncias antigas e mobilizaram as suas energias em torno do que central e prioritrio nos prximos tempos: criar um movimento de resistncia vertigem reaccionria que est a assolar o pas e abrir caminho a uma alternativa poltica que represente uma via de desenvolvimento e bem-estar para portugueses.


 

O seu comentário
Os campos assinalados com * são de preenchimento obrigatório

Digite em baixo os caracteres desta imagem

Se tiver dificuldade em enviar o seu comentário, ou se preferir, pode enviar para o e-mail newsletter@comunistas.info.