Comunistas.infoComunistas.infoComunistas.info
QUEM SOMOS
ACTUALIDADE
13 DE NOVEMBRO DE 2010, SÁBADO
FONTE: TSF
Aung San Suu Kyi foi libertada após 18 meses de prisão domiciliária
Hoje às 10:43Antes do anúncio da libertação, já cerca de 1500 apoiantes esperavam nas imediações da casa de Aung San Suu Kyi pela aparição da líder do movimento democrático birmanês.
A opositora do regime birmanês e Prémio Nobel da Paz Aung San Suu Kyi foi libertada este sábado após sete anos de prisão domiciliária, anunciou um responsável birmanês, citado pela agência AFP.

O primeiro sinal da libertação foi a retirada das apertadas barreiras policiais junto à casa de Aung San Suu Kyi, onde a líder do movimento democrático birmanês estava detida.

Antes do anúncio da libertação, cerca de 1500 pessoas, junto à casa, gritavam apelos à libertação numa manifestação que começou na sexta-feira.

As Nações Unidas recomendaram, entretanto, à Junta Militar birmanesa que não alargue o prazo de condenação e que termine com todas as restrições a deslocações e actividades da Nobel da Paz.

Os analistas políticos sublinham que libertar a líder do movimento democrático birmanês pode significar para a junta no poder algum reconhecimento internacional, uma semana depois de as eleições terem sido classificadas de fraude e fantochada.

Nos últimos 21 anos, Aung San Suu Kyi esteve presa 17 anos, sem acesso ao exterior, sem telefone, televisão e Internet e sem poder receber visitas.


 

O seu comentário
Os campos assinalados com * são de preenchimento obrigatório

Digite em baixo os caracteres desta imagem

Se tiver dificuldade em enviar o seu comentário, ou se preferir, pode enviar para o e-mail newsletter@comunistas.info.