Comunistas.infoComunistas.infoComunistas.info
QUEM SOMOS
ACTUALIDADE
ACTUALIDADE INTERNACIONAL
Ver mais
22 DE JANEIRO DE 2009, QUINTA FEIRA
POR: Serge Halimi
"A entrada em funções de Barack Obama vai confirmar uma tripla ruptura." Leia este inédito de análise de polítia internacional de Serge Halimi, publicado no Le Monde Diplomatique - edição portuguesa

Ver mais
20 DE JANEIRO DE 2009, TERÇA FEIRA
FONTE: Público de 19/01/09
POR: André Freire
"O esquerdismo na Europa após a Guerra-Fria. Com a queda do muro de Berlim e o colapso da URSS, as correntes esquerdistas europeias têm mudado bastante". Leia este interessante artigo que André Freire publicou ontem no Público.

Ver mais
18 DE JANEIRO DE 2009, DOMINGO
POR: Walden Bello
"A Social-democracia Global não mereceu até agora muita discussão crítica, talvez porque o grosso dos progressistas siga empenhado na última guerra, isto é, a guerra contra o neoliberalismo. Mas fazer a sua crítica é urgente, e não só porque a Social-democracia Global é o candidato mais provável à sucessão do neoliberalismo." Leia este belo artigo de Walden Bello, de quem já anteriormenet tínhamos publicado Tudo o que você quer saber sobre a origem da crise e teme não entender.

Ver mais
08 DE JANEIRO DE 2009, QUINTA FEIRA
POR: José Goulão
"Altos responsáveis de países que se consideram faróis da «civilização» multiplicam apelos à «contenção» e ao «cessar-fogo» em Gaza, como quem procura assim cumprir uma obrigação perante o «agravamento da crise» no Médio Oriente. A hipocrisia de presidentes, ministros, diplomatas ou porta-vozes é tão óbvia como de costume, mas ainda consegue ser chocante tendo em consideração a tragédia que vitima mais de um milhão de meio de pessoas amontoadas num pequeno território inóspito aferrolhado entre Israel, o Egipto e o Mediterrâneo." Leia este belo artigo que José Goulão escreveu para a edição portuguesa do Le Monde Diplomatique.

Ver mais
06 DE JANEIRO DE 2009, TERÇA FEIRA
POR: Fernando Nobre
"Há momentos em que a nossa consciência nos impede, perante acontecimentos trágicos, de ficarmos silenciosos porque ao não reagirmos estamos a ser cúmplices dos mesmos por concordância, omissão ou cobardia. O que está a acontecer entre Gaza e Israel é um desses momentos. É intolerável, é inaceitável e é execrável a chacina que o governo de Israel e as suas poderosíssimas forças armadas estão a executar em Gaza a pretexto do lançamento de roquetes por parte dos resistentes ("terroristas") do movimento Hamas." Leia este post que Fernando Nobre, médico e presidente da Assistência Médica Internacional (AMI), publicou no seu blog, Contra a Indiferença