Comunistas.infoComunistas.infoComunistas.info
QUEM SOMOS
ACTUALIDADE
ACTUALIDADE NACIONAL
Ver mais
22 DE FEVEREIRO DE 2016, SEGUNDA FEIRA
FONTE: RC
POR: Carlos Brito
Antnio Barreto deu largas ao seu anti-comunismo por causa da azia que o acordo parlamentar do centro-esquerda com a esquerda veio trazer s gargantas sensveis da direita. F-lo em crnica ao Dirio de Notcias espao onde verteu a sua dispepsia. Carlos Brito, achou o Barreto merecedor de umas quadras de rplica que aqui se publicam.

Ver mais
17 DE FEVEREIRO DE 2016, QUARTA-FEIRA
FONTE: Revista Sbado
POR: Jornalista Sara Capelo
Carlos Brito comenta para a Revista Sbado
Com o pretexto da nova edio de "O Manifesto Comunista" pela Editora Guerra e Paz, a revista Sbado solicitou um comentrio a vrias personalidades, incluindo a Carlos Brito, sobre passagens concretas da obra que instituiu o programa comunista em 1848 e onde se condensam as teses polticas chave do projecto comunista.

Ver mais
14 DE FEVEREIRO DE 2016, DOMINGO
FONTE: Tempo Medicina
POR: Paulo Fidalgo
H uma inquietao quanto situao da sade em Portugal e que consiste em questionar o afunilamento das prioridades quase em exclusivo para a gesto mdica da doena avanada. Sem dvida que o pas alcanou uma esperana de vida invejvel que se compara bem com a dos pases nrdicos. Porm, essa esperana de vida aumentada est a acontecer custa de demasiadas doenas e incapacidade, o dobro por exemplo do que se verifica na Sucia. pois necessrio mudar as prioridades em sade. isso que discutido neste artigo de Paulo Fidalgo publicado no Tempo Medicina

Ver mais
05 DE FEVEREIRO DE 2016, SEXTA FEIRA
FONTE: DN
POR: Entrevista de Slvia Freches
Anlise das presidenciais
Carlos Brito ao Dirio de Notcias
Carlos Brito, presidente do conselho nacional da Renovao Comunista concedeu uma entrevista ao Dirio de Noticias onde analisa os resultados das presidenciais e as perspetivas de evoluo poltica.

Ver mais
03 DE FEVEREIRO DE 2016, QUARTA-FEIRA
FONTE: RC
POR: Cipriano Justo
"A Sade dos Portugueses. Perspetiva 2015 "
A Direco Geral de Sade publicou esta semana o relatrio sobre a sade dos portugueses e a imprensa deu notcia que o pas teria melhorado alguns indicadores. O que, a ser verdade, seria um formidvel feito, se tivermos em conta o cenrio negro de constrangimento austeritrio. Cipriano Justo um reputado especialista de sade pblica e comenta aqui o relatrio e aconselha prudncia na interpretao de resultados, bem como sublinha aqueles onde se verificou regresso. O documento "A sade do portugueses, perspectiva 2015" pode ser lido aqui.